Não é carro autônomo ainda, mas já é conectado com a internet

By 3 de novembro de 2020 Releases No Comments

A pandemia do novo coronavírus tem acelerado mudanças no hábito de consumo global. Isso não foi diferente para montadoras de carros. A tecnologia móvel do 5G, será crucial para transformar a relação de humanos com os carros autônomos.

Segundo um estudo recente da Boston Consulting Group, a presença de carros autônomos em centros urbanos resultaria numa redução de 60% na circulação de carros nas ruas e, por consequência, uma diminuição de 90% em números de acidentes. Em relação aos ganhos ambientais, a estimativa é de que o volume de poluentes emitidos diminuirá cerca de 80%.

Os futuros lançamentos das marcas Fiat, Jeep e Ram virão com o eSIM, para acesso a Wi-Fi a bordo, com cobertura provida pela operadora. A plataforma servirá como um roteador de internet dentro do carro. Ainda será possível dar a partida remotamente no veículo e acionar o ar-condicionado ou o aquecedor antes de entrar no carro.

O mais importante para a empresa será a quantidade de dados que a plataforma pode gerar, o que ajudará também na  identificação de eventuais falhas no veículo de maneira mais rápida. A empresa alerta, no entanto, que irá respeitar a privacidade dos usuários por meio da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

A General Motors, dona da Chevrolet, também já fez experimentos de conectividade no Brasil. A parceria da GM no Brasil é a Claro. Para o português Nuno Simões, ex-diretor de IoT para Qualcomm no Brasil, os anúncios  recentes são um grande sinal da evolução das companhias de telecomunicações no país.

Fonte:

Veja;

Leave a Reply